Equipa gay sofre preconceito de gay

Avenida Brasil 06-10-2018 10:00
Por João Almeida Moreira

Vem aí a Copa Sudeste Gay, com representantes dos quatros estados da região - de São Paulo, os Unicórnios, os Futboys e os Bulls; do Rio, os Beescats; de Minas, os Alcateia, os Manotauros e os Bharbichas; e do Espírito Santo, os Capixabas, gentílico do estado.

Ora os Capixabas têm sido alvo de críticas dentro da própria comunidade LGBT: primeiro por terem nome neutro - «por eventuais patrocínios», explicam - e depois por serem uma equipa considerada muito padrão - «censuram-nos por não termos nenhum travesti», queixam-se. Se já é difícil lutar contra o preconceito da maioria hetero, imagine-se, assim, com a comunidade gay a complicar... 
 

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias